Imperviamanta Top

Manta asfáltica impermeabilizante industrializada feita a base de asfaltos modificados com polímeros elastoméricos (SBS), armada com um não tecido de filamentos de poliéster agulhado previamente estabilizado com resina termofixada. Caracteriza-se pela alta flexibilidade, alta resistência à tração e rasgamento, características que se apresentam de forma homogênea por toda a manta, reduzindo os riscos de falhas localizadas na impermeabilização.

 

CLIQUE AQUI E BAIXE O CATÁLOGO EM PDF

CAMPOS DE APLICAÇÃO: Áreas de elevadas movimentações estruturais como laje de cobertura em geral, estacionamentos, helipontos, piscinas elevadas, túneis, viadutos e espelhos d’água.

NORMA:Ensaios e especificações segundo NBR 9952 – Tipo III – A

ENSAIOS

NBR 9952 RESULTADO TIPO III
Tração Longitudinal 911 N 400 N
Tração Transversal 520 N 400 N
Along. Longitudinal 44 % 30 %
Along. Transversal 54 % 30 %
Absorção de Água 0,50 % 1,50%
Flex. Baixa Temperatura Sem trincas – 10°C
Resistência ao Impacto Conforme 4,9 J
Escorrimento Conforme 95 °C
Estab. Dimens. Longit. – 0,6 % ±1% máx.
Estab. Dimens. Transv. 0,2 % ±1% máx.
Estanqueidade Conforme 15 mca
Resistência ao Rasgo 165 N 120 N
Envelhecimento

acelerado

Conforme 672 h/80 °C

 

PREPARO DA SUPERFÍCIE:

Executar regularização com caimento mínimo de 1% em direção aos pontos de escoamento de água, preparada com argamassa de cimento e areia média traço 1:4, adicionando-se emulsão adesiva Imperviafix na água de amassamento para maior aderência ao substrato.

Tubulações emergentes e ralos deverão estar rigidamente fixados. Recomenda-se um rebaixamento de 1 cm de profundidade ao redor dos ralos, com diâmetro de 50 cm. A impermeabilização deverá ser executada nos rodapés a uma altura mínima de 30 cm do piso acabado.

Arredondar cantos vivos e arestas. Vale ressaltar que não deverá ser colocado nenhum tipo de hidrófugo na argamassa de regularização. Essa argamassa deverá ter acabamento desempenado, com espessura mínima de 2,0 cm.

APLICAÇÃO:

Aplicar uma única demão de emulsão/solução asfáltica ImperviaPrimer para imprimação do substrato e aguardar sua secagem. Logo após, alinhar a bobina para posterior aplicação da mesma com maçarico. Tomar cuidado com a sobreposição, pois deve ser de no mínimo de 10 cm nas laterais e de 20 cm no topo. Realizar o biselamento para uma perfeita aderência. Sobre a impermeabilização já executada, realizar o teste de estanqueidade por 72 horas, em seguida executar a proteção mecânica da área em questão, conforme especificação do projeto

ACABAMENTO: Polietileno / Polietileno

ESPESSURA3 e 4 mm

EMBALAGEM: Bobina com 1 m de largura e 10 m de comprimento.

 

CONSUMO: 1,15 m2/m2.

ARMAZENAMENTO: Armazenamento na posição vertical, na embalagem original e intacta, em local seco, bem ventilado e longe de fontes de calor.

× Converse no WhatsApp Agora!